Como vender receitas online (do jeito CERTO) em 2023

Por Aleksey Haritonenko ler
28 nov, 2023
Como vender receitas online (do jeito CERTO) em 2023

Pensando em como se tornar a próxima Emily Mariko, estrela do TikTok americana famosa por sua receita viral de tigela de salmão?

Bom, segundo o Statista, essa ideia pode não ser tão impossível assim. Receitas realmente vendem e cerca de 43% dos usuários de internet ao redor do mundo buscam inspiração em sites de culinária.

Esta é uma porcentagem enorme!

online sources of meal inspiration
Source

Ou seja, se você possui habilidades culinárias ou é apaixonado por comida, por que não tirar proveito desse potencial e ganhar dinheiro vendendo receitas online?

Neste artigo, você vai aprender por onde começar a vender receitas online e também descobrir algumas ideias de produto para inspirar o seu próprio negócio.

Dá para vender receitas online?

A resposta simples é sim! E você absolutamente deve considerar investir nesse tipo de negócio se gosta de comida e já possui alguns seguidores.

Milhares de blogueiros ganham a vida vendendo receitas online. Alguns fazem isso com ajuda do Instagram, outros promovem suas receitas pelo TikTok. Além disso, cada vez mais criadores de conteúdo estão abrindo lojas online para vender suas próprias receitas.

Até mesmo os dados do Instagram sugerem que cerca de 58% dos usuários têm um forte interesse em comida e culinária e que 36% se sentem inspirados a experimentar coisas novas relacionadas a comida.

Se o mercado claramente existe, por que não monetizá-lo?

Você pode começar a vender receitas online para:

  • Apaixonados por comida
  • Consumidores preocupados com saúde
  • Consumidores interessados em dietas
  • Chefs e cozinheiros
  • Negócios relacionados a gastronomia

Vendendo receitas para negócios relacionados a gastronomia (prós e contras)

Você deve estar se perguntando:

Será que vale a pena vender receitas para negócios relacionados a gastronomia, como supermercados, mercearias, restaurantes, etc.? Vamos descobrir!

Antes de oferecer suas receitas para negócios que atuam nesta área, é importante que você considere algumas coisas primeiro.

Umas das primeiras coisas que você precisa definir é a categoria de comida em que as suas receitas melhor se encaixam (saladas, sopas, sobremesas, etc.).

Você também precisa avaliar se as suas receitas são regionais ou destinadas a dietas específicas (cetogênica, vegetariana, vegana, sem glúten, etc.).

Você vai até mesmo precisar definir se as suas receitas se encaixam em subcategorias como pratos quentes, pratos frios e assim por diante.

Além disso, você precisa estar mentalmente preparado para enfrentar a concorrência. As suas receitas precisam se destacar para serem selecionadas. E na indústria gastronômica, o que não falta é concorrência.

selling recipes to a food business
Receitas no site de culinária oficial da BBC.

O próximo passo é encontrar compradores (um restaurante, café, mercado, confeitaria, etc.) que vendam o tipo de comida das suas receitas.

Esta pode ser uma tarefa desafiadora. Isso por que além da forte concorrência, você terá que lidar com falta de tempo e pagamentos insuficientes para sustentar o seu negócio.

Por exemplo, alguns blogs culinários pagam royalties a cada clique, outros uma porcentagem sobre os lucros totais. Embora isso pareça um bom negócio, a verdade é que você não terá total controle sobre quanto você ganha.

Você também não terá controle sobre o marketing e dependerá de terceiros para quase tudo. Em outras palavras, as empresas com quem você fechar parceria serão responsáveis por decidir o preço final das suas receitas. 

Se você não vê problema nisso, não custa nada experimentar. Mas se você prefere definir seus próprios preços e trabalhar com mais flexibilidade, vender receitas online por meio de uma loja própria pode valer mais a pena a longo prazo.

Considere o seguinte:

Com uma loja própria, você será capaz de alcançar uma audiência global e terá total controle sobre todos os aspectos do seu negócio, incluindo marketing, vendas e preços.

Vale a pena vender em marketplaces online (como eBay, Etsy, etc.)?

Outra pergunta que vem naturalmente a cabeça quando o assunto é vender receitas online é:

Vale a pena vender em marketplaces online, como eBay e Etsy?

Como sempre, o importante é considerar os prós e contras cuidadosamente antes de tomar qualquer decisão. Vamos começar pelos prós.

Os prós de vender receitas online em um marketplace:

  • Mercado estabelecido
  • Grande base de consumidores
  • Alcance internacional
  • Sem restrições quanto ao tipo de arquivo a ser vendido

Agora, vamos conferir os contras.

Os contras de vender receitas online em um marketplace:

  • Lista limitada de ferramentas de marketing integradas
  • Páginas de produto pouco customizáveis
  • Quase impossível de integrar com serviços e apps externos
  • Preço salgado
  • Mercado supersaturado e altamente competitivo
  • Pouco controle sobre a sua própria loja
  • Pagamentos demorados
  • Regras restritivas
selling recipes on Etsy
Vender receitas pelo Etsy significa concorrer com mais de 1.000 vendedores.

Também é importante ter em mente que muitos marketplaces cobram taxas escondidas. O Etsy, por exemplo, cobra uma grande porcentagem sobre cada venda. O mesmo acontece no eBay. Isso pode ser um problema, principalmente para iniciantes que precisam otimizar suas despesa o máximo possível.

Assim, eu diria que vender receitas em marketplaces só vale a pena se você ainda não tem uma audiência e está começando do zero. Se você possui uma base de seguidores, no entanto, a melhor opção é abrir uma loja própria ou um site de receitas sobre o qual você possa ter total controle.

A melhor maneira de conseguir vendas? Criar conteúdo sobre receitas!

Uma das melhores formas de vender receitas online é começar criando conteúdo relevante sobre culinária e gastronomia nas redes sociais. E claro, quanto melhor for o seu conteúdo mais seguidores você vai atrair.

Obviamente, você não vai precisar fazer isso se optar por vender em um marketplace como o Etsy. Afinal, estas plataformas já possuem uma grande base de consumidores.

Mas sinceramente:

Por mais fácil que esta opção pareça, qual é a graça de ser um criador de conteúdo assim?

Além disso, não há garantia de que os seus produtos vão realmente aparecer na primeira ou segunda página das buscas relacionadas ao seu nicho de mercado. A verdade é que mais seguro construir uma audiência primeiro na sua própria plataforma ou perfil nas redes sociais e só depois montar uma loja e começar a vender o seu trabalho.

Então, se você está a procura de ideias sobre como criar conteúdo relacionado as suas receitas online, vamos começar com dois exemplos inspiradores de criadores de conteúdo que fazem sucesso vendendo receitas no Sellfy.

Ashley Renee é uma blogueira de sucesso, cujas receitas estão em alta demanda. Também conhecida como Messy Eats no Instagram, Ashley já possui mais de 522 mil seguidores na plataforma, onde vende livros de receita cetogênica.

messyeatsblog

Mas como ela conseguiu alcançar uma audiência tão ampla? Ashley começou pelo TikTok, onde já possui mais de 611,6 mil seguidores. Em suas próprias palavras, esta foi a formula utilizada:

“Eu percebi algo único sobre o TikTok: criadores começam a fazer sucesso da noite para o dia. Então eu comecei a aprender sobre sons virais e quantas vezes você deve usá-los em um post. Então eu criei meu primeiro TikTok sobre keto. Ele viralizou e eu consegui 15 mil seguidores. Foi incrível o quão rápido tudo explodiu.”

Como você pode ver, adicionar músicas populares a cada um dos seus vídeos de receita no TikTok ajudou a Ashley a viralizar. Além disso, ela sempre procurou garantir que seus vídeos fossem o mais esteticamente agradáveis possível.

Segundo Ashley, um vídeo viral precisa de três componentes básicos:

  • Música agradável (músicas e sons virais)
  • Boa comida
  • Ótima qualidade de vídeo

Ela também afirma que fotos de alta qualidade ajudam bastante. Então fique atento a  qualidade de imagem sempre que fizer novas fotos do seu produto!

ashley renee tiktok
A bio Ashley Renee no TikTok diz tudo: “Comida e keto esteticamente agradável”.

Outro exemplo é a criadora de conteúdo Victoria (Kulinary Effect), que realmente sabe tirar proveito do poder das redes sociais. Ela diversificou seu conteúdo mostrando imagens de bastidores, compartilhando dicas de cozinha, avaliando receitas e até mesmo apresentando um podcast.

Ao fazer tudo isso, ela permite que os seguidores acompanhem as diferentes faces do seu negócio culinário e vejam exatamente o que é preciso para administrar um blog sobre comida. Precisamos concordar; criar uma experiência pessoal é uma ótima forma de construir consciência de marca e vender no Instagram!

kulinary effect
O Kulinary Effect utiliza Instagram Highlights para apresentar as diferentes faces do seu negócio.

Por exemplo, além de postar vídeos de culinária, ela também usa o Instagram Stories para gamificar seu conteúdo e aumentar engajamento com jogos de adivinhação. Ela torna aprender sobre culinária uma atividade divertida. Como diz a sua bio, Victoria está “Inspirando outras pessoas a encontrar alegria e confiança através da culinária”.

kulinary effect instagram stories
Victoria usa Instagram Stories para gamificar seu conteúdo.

Como vender receitas online

Já falamos sobre as diferenças entre vender em makekplaces e em uma loja própria. Mas qual é o melhor site para vender receitas online, então?

Bem, vou simplificar para você e apresentá-lo ao Sellfy!

O Sellfy é uma plataforma de e-commerce super fácil de usar para criadores de conteúdo interessados em começar seu próprio negócio. Você pode vender de tudo no Sellfy (não apenas receitas!), incluindo downloads digitais, assinaturas, produtos físicos e até mesmo merchandising com impressão sob demanda.

O Sellfy também conta com poderosos recursos de marketing, belos temas pré-projetados, um ferramenta de Analytics integrada e muito mais.

Confira uma lista completa com as vantagens de vender receitas com o Sellfy:

  • Lojas totalmente personalizáveis
  • Ferramentas de marketing e SEO integradas
  • Configuração simples e rápida
  • Design pensado para dispositivos móveis
  • Sem taxas escondidas
  • Acesso instantâneo a pagamentos
  • Configurações avançadas de IVA e impostos
  • Diversas opções de pagamento
  • Atendimento ao cliente 24h
  • Total controle sobre a sua própria loja
  • Integrações com diversos aplicativos

Então, se o Sellfy parece uma boa solução para o seu negócio, vamos adiante! A seguir, você vai aprender como preparar as receitas sua para venda online!

sellfy recipe a store
Exemplo de loja de receitas no Sellfy: Messy Eats.

1. Crie e prepare as suas receitas para venda

Outra vantagem oferecida pelo Sellfy é que você pode fazer o upload de até 50 arquivos por produto. E o melhor de tudo é que você pode carregar vários arquivos por vez.

Você também pode disponibilizar seu produto como uma ou várias receitas de forma compactada em arquivos .zip, ou .rar.

O Sellfy tem suporte para todos os formatos de arquivo estático e oferece até 10 GB de armazenamento por produto. Tudo isso com largura de banda e armazenamento total ilimitados!

2. Abra a sua loja Sellfy

O próximo passo é abrir a sua loja Sellfy. A seguir você vai aprender como configurar e customizar a sua loja em menos de 5 minutos.

Veja como começar a vender receitas na plataforma de e-commerce mais descomplicada do mercado:

  1. Assine um dos planos pagos do Sellfy ou comece um teste grátis de 14 dias. Você só vai precisar de um endereço de e-mail válido. Se precisar de acesso a mais recursos, você tem a opção de fazer o upgrade para um plano pago a qualquer momento.
  2. Escolha um tema pronto ou use o Store Customizer para personalizar a aparência da sua loja.

3. Finalmente, faça o upload das suas receitas!

Com a sua loja devidamente configurada, você pode começar a fazer o upload das suas receitas! Localize o menu de upload de produtos na seção PRODUCTS do seu dashboard. Depois, clique em Add new product e comece a fazer o upload dos arquivos necessários.

digital products

Após criar seus produtos, você pode gerar mockups com Sellfy, usar suas próprias imagens de produto ou recorrer a recursos de mockup, como Clint English ou Placeit.

Criar mockups no Sellfy é super fácil — disponibilizamos imagens de produto para visualização e download na página Edit product.

Preço: quanto custa uma receita?

Mas então, por quanto você pode vender as suas receitas? A verdade é que você é quem decide, já que os preços costumam variar bastante de um criador de conteúdo para outro.

A loja Sellfy Margo’s Creative Life, por exemplo, vende o livro de receita The Expat Kitchen por US $20. A loja Messy Eats Store, por outro lado, chega a cobrar menos US $ 10 por alguns de seus best-sellers.

No entanto, de modo geral, estratégias de preço baseadas em valor tendem a funcionar melhor para a venda de receitas e praticamente qualquer outro tipo de produto digital.

Sabe por quê?

De acordo com um estudo conduzido pela ResearchGate, o preço baseado em valor é a abordagem mais adequada para negócios que pretendem ganhar dinheiro e maximizar a sua lucratividade.

recipe pricing
Ashley Renee utiliza uma estratégia de preço baseada em valor para vender sua série de best-sellers Messy Eats.

Com preços baseados em valor, você enfatiza qualidade ao invés de quantidade. Ou seja, ao invés de precificar a sua arte com base no custo de produção e distribuição, você dá valor real ao produto.

Em outras palavras, você pode precificar suas receitas com valores acima da média do mercado para obter mais lucro em menos tempo. Isso por que para muitas pessoas preços mais altos significam maior qualidade.

No entanto, para que esta estratégia realmente funcione, você precisa convencer a audiência e garantir que ela tenha uma compreensão clara do valor que você está oferecendo. Para fazer isso, você só precisa dar destaque a tudo que é diferente e único no seu trabalho.

Pergunte a si mesmo:

Quais são os diferenciais das minhas receitas? Por que as pessoas deveriam comprar as minhas receitas ao invés das de outra pessoa?

3 ideias de produto para as suas receitas

Pensando em expandir a sua linha de produtos e ir além das receitas? Aqui estão 3 ideias diferentes de produtos que você pode adicionar ao seu catálogo. Confira!

Livros de receita

Qual é a primeira coisa que vem a cabeça quando o assunto é vender receitas online? Provavelmente livros de receita.

Esta é a maneira mais comumente empregada por blogueiros especializados em culinária para vender seu trabalho. E não é à toa, já que receitas originais estão em alta demanda! A comida (especialmente quando é boa) desempenha um importante papel em nossas vidas e, por isso, quase todo mundo procura inspiração em livros de receita pelo menos uma vez na vida.

Se você já possui uma loja Sellfy, começar a vender seus e-books de receita vai ser super fácil.

A loja Kulinary Effect, por exemplo, vende livros de receita em duas categorias: preço padrão ($10) e “receitas por US $1”. Dessa forma, seus seguidores podem escolher a opção que melhor se encaixa no seu orçamento. É uma ótima estratégia de marketing!

kulinary effect sellfy store

Vídeos de receita

Vale a pena mencionar que, em 2023, os vídeos de receita representam mais de 83% de todo o tráfego de consumidores na internet. Além disso, usuários americanos gastam em média mais de 5 horas por semana consumindo conteúdo em vídeo. E isso contando apenas trafego via smartfones!

As pessoas adoram conteúdo audiovisual, então por que não ganhar dinheiro com isso vendendo vídeos de receita e assinaturas para conteúdo on-demand? Essa é uma ótima ideia de produto para alguém que já viralizou em uma plataforma de streaming de vídeos, como TikTok ou YouTube, e gostaria de monetizar seu conteúdo.

A loja Sellfy LL Kitchen Meals, por exemplo, vende vídeos com instruções sobre receitas para os seus mais de 33 mil seguidores.

llc kitchen meals

Listas de compras

Você sabia que além das receitas com instruções sobre medidas e modo de preparo, as pessoas também precisam de ajuda quais produtos comprar? Há uma demanda surpreendentemente grande para listas de compras. Ou seja, isso é definitivamente algo que pode ser transformado em um produto!

Melhor ainda, por que não vender livros de receita e incluir listas de compra nele como bônus?

A loja Sellfy Margo’s Creative Life, por exemplo, vende um livro de receita especial com receitas individuais do mundo todo. O livro inclui listas de compras, opções de harmonização com vinho e até mesmo uma playlist musical. Não sei você, mas para mim este parece ser um livro de receita super divertido!

the expat kitchen

Pronto para ganhar dinheiro criando e vendendo receitas online?

Como você pode ver, começar um negócio online não precisa ser um bicho de sete cabeças. Você só precisa seguir três passos simples:

  • Assine o plano Sellfy que melhor atende às suas necessidade
  • Crie e faça o upload de suas receitas
  • Promova e venda o seu trabalho online

Ainda tem alguma dúvida? O nosso Help Center tem as respostas para as perguntas mais frequentes. Você também pode entrar em contato com a nossa equipe de suporte a qualquer momento em support@sellfy.com.

Aleksey é especialista em marketing de conteúdo na Sellfy. Ele adora usar a linguagem e o poder das palavras para tornar fascinantes até os tópicos mais áridos do comércio eletrônico. Usando sua formação em estudos literários e paixão pelas últimas tendências, ele cria conteúdo bem pesquisado e estruturado para inspirar outras pessoas e ajudá-las a expandir seus negócios de comércio eletrônico.