9 formas reais de vender produtos fitness (além de treinamentos)

Por Aleksey Haritonenko ler
28 nov, 2023
9 formas reais de vender produtos fitness (além de treinamentos)

Com mais de 180.000 academias e clubes de fitness espalhados pelo mundo e uma receita estimada de US $84 milhões só em mensalidades, é seguro dizer que a indústria do fitness está em alta e deve crescer ainda mais.

A acensão de movimentos relacionados a saúde, como veganismo e CrossFit, significa que as pessoas têm se preocupado mais com a sua saúde e peso. Além disso, em um espaço social onde todo mundo está tão intimamente conectado pela internet, as pessoas querem parecer e se sentir bem, o que faz da indústria do fitness uma área bastante promissora.

No entanto, você vai precisar ser criativo se estiver interessado em ganhar dinheiro com fitness. Trabalhar como instrutor em uma academia ou como personal trainer são provavelmente os caminhos mais óbvios para quem atua na área. Porém, o mercado está altamente saturado.

Felizmente, estamos aqui para ajudar. Separamos as 9 melhores maneiras de ganhar dinheiro com fitness sem ter que trabalhar em uma academia vários dias por semana. Continue lendo para descobrir como vender produtos fitness, planos de refeição e os mais variados serviços relacionados a saúde e exercícios online.

1. Venda planos de exercício para download

Se você quer ganhar dinheiro com fitness, vender planos de exercício é provavelmente a opção mais lucrativa. Como um produto digital, os planos de trveino e exercício podem ser formatados como arquivos para download e vendidos na sua loja online.

Programas de exercício em PDF são um ótimo exemplo de produto que nunca envelhece e que pode ajudar você a construir uma renda passiva estável.

O Sellfy é uma plataforma onde especialistas em fitness podem criar uma loja online e vender o seu trabalho e onde a renda em potencial é muito maior do que simplesmente treinar alunos em uma academia. Por ser uma fonte de renda passiva, a venda de produtos online permite que você não fique limitado ao número de horas que consegue trabalhar. Ao invés disso, o único limite é a quantidade de unidades que você consegue vender.

O melhor de tudo é que você não precisa de muito para começar. É só organizar o seu conhecimento existente em um arquivo PDF e criar uma conta em uma plataforma de e-commerce que permita a venda de arquivos digitais.

Exemplo:

Como mãe de quatro filhos, Ashley Keller sempre ficou frustrada com a falta de planos de exercícios desafiadores destinados para pais e mães online. Foi quando ela teve a ideia de criar o GlowBodyPT. Mais tarde, ela foi certificada como Personal Trainer e Especialista em Exercícios Pré-natais e Pós-natais, trabalhou em pesquisas revisadas por pares e começou a elaborar suas próprias rotinas de exercícios.

glowbodypt-2

Hoje, além de ajudar seus mais de 100 mil inscritos no YouTube a ficar em forma, ele vende programas de exercícios e planos de refeição em sua loja Sellfy.

2. Venda vídeos de exercício

Se você é instrutor de fitness profissional ou apenas um apaixonado por atividades físicas e vida saudável, que tal ajudar as pessoas a ficarem mais saudáveis e ativas vendendo vídeos de exercício online?

Obviamente, não faltam vídeos de exercício na internet, mas isso não deve impedi-lo se você está preparado para criar conteúdo único e diferenciado

Vender vídeos de exercício é uma forma lucrativa de ganhar dinheiro com fitness. E é exatamente isso que o Ron Jones faz. Ele é um personal trainer e criador de conteúdo que conseguiu combinar treinamento físico e técnicas de saúde mental para criar uma experiência verdadeiramente única para os seus clientes. Foi assim que ele começou a promover o seu trabalho online, vendendo um programa de 5 semanas em sua loja Sellfy. O programa, que custa US $197, inclui exercícios de academia, assim como treinos para fazer em casa destinados a iniciantes de todas as idades.

Selfy store example Ron Jones

3. Ofereça treinos por assinatura

A ideia é oferecer um produto que exija pagamentos recorrentes para uma assinatura mensal ou anual.

A melhor parte? 

Pagamentos recorrentes significam que você terá mais controle sobre quanto ganha. Além disso, é muito mais fácil reter clientes uma vez que eles estejam inscritos.

Com produtos baseados em assinatura, você não vai ter que criar novos conteúdos constantemente, pois estará sempre atualizado seus produtos existentes em tempo real.

Exemplo:

Emilio Born sabe que a parte mais difícil quando o assunto é atingir objetivos de condicionamento físico é começar. É por isso que contar com a ajuda de alguém que se importa é tão importante. Como um personal trainer profissional, ele decidiu ajudar a sua audiência a destruir as barreiras de entrada com um plano de transformação de 12 semanas.

Sellfy Store example - Emilio Born

Ele vai ainda mais além customizando o plano para cada cliente separadamente. Para fazer isso, ele pede que cada novo assinante preencha um formulário antes que acesso aos seguintes produtos seja liberado:

  • Rotinas de treino em vídeo
  • Planos de refeição
  • Check-ins semanais

Além disso, você também pode oferecer sessões online pessoais para cliente que precisam de atenção especial. Nosso amigo Ron Jones oferece este serviço em sua loja Sellfy por US $79,99.

Sellfy store example - 1-on-1 calls

4. Venda e-books de dieta e planos refeição

tahlia skye
A instrutora de fitness Tahlia Skye vende livros de receitas saudáveis em sua loja Selly.

Vegetarianismo, Dieta paleolítica, Dieta de Atkins… Com o recente aumento da popularidade de estilos de vida mais saudáveis, as pessoas têm se preocupado mais com o que comem e estão dispostas a pagar mais para garantir uma dieta saudável. Essa é uma ótima notícia para quem tem conhecimentos específicos sobre culinária e fitness, como você!

Outro produto digital, os planos de refeição são uma opção básica bastante popular na indústria fitness e existem vários tópicos que você pode explorar nesse segmento. Da ciência da nutrição, até receitas específicas para cada tipo de dieta, você pode criar e-books direcionados para vários tipos de público e até mesmo criar uma série inteira com foco em diferentes aspectos do mundo fitness.

Você vai precisar de três coisas para criar o seu e-book de dieta ou plano de refeição:

  • Conteúdo: Entre planos de receitas customizados e conteúdos científicos sobre a eficácia da dieta Paleo, você vai precisa de conteúdo para conquistar o público consumidor. Dê uma olhada nesse guia para aprender a criar um e-book em menos de 30 dias.
  • Imagens profissionais: As pessoas tendem a processar informações visuais com mais facilidade, então é importante que você preencha seu e-book com fotos e imagens de alta qualidade. Se o seu orçamento permitir, considere contratar um fotógrafo profissional.
  • Uma boa capa: Uma boa capa pode fazer toda a diferença entre sucesso e fracasso. Por isso, você precisa pensar em uma boa capa para o seu e-book.
  • Depois que o seu e-book estiver pronto, você vai poder criar uma loja no Sellfy para vender o seu produto. O Sellfy já é uma plataforma popular entre criadores de conteúdo especializados em planos de refeição. A instrutora de fitness certificada Tahlia Skye já alcançou uma renda de mais seis dígitos vendendo livros de receitas no Sellfy.

5. Equipamentos de fitness e academia

Frequentar uma academia não é mais o único jeito de ficar em forma. Com tantos aplicativos de fitness, planos de treino e instrutores digitais, cada vez mais pessoas optam por malhar no conforto de suas casas, fazendo desse um nicho bastante lucrativo para se explorar.

As possibilidades de produtos de fitness são praticamente infinitas. Aqui estão alguns exemplos:

  • Pulseiras e relógios para monitoramento de atividades físicas
  • Cordas de pular
  • Elásticos extensores
  • Bolas de ginástica
  • Fit boards
  • Rolos de massagem
  • Suplementos

O Fitbit é um excelente exemplo. A pequena pulseira que monitora as suas atividades físicas já rendeu $1,6 bilhões em receita desde 2017. Ou seja, o mercado para produtos relacionados a indústria fitness é bastante promissor.

No entanto, criar um produto é apenas metade da batalha. As pessoas só comprarão o seu produto se você conseguir despertar o seu interesse. Uma das melhores maneiras de fazer isso é por meio das redes sociais, e o Instagram é uma plataforma particularmente boa já que a maioria dos seus usuários são bastante ativos. Para mais dicas, confira nosso artigo sobre como vender no Instagram.

6. Organize seminários sobre condicionamento físico

Sellfy store example - 1-on-1 calls
Nosso amigo Ron Jones oferece esse tipo de serviço no site do seu estúdio no Sellfy.

Seminários sobre fitness podem ser incrivelmente lucrativos. Você pode fazer o seu próprio seminário em local de sua escolha ou até mesmo se apresentar em eventos e conferencias populares na sua área, o que pode gerar bastante publicidade.

Os seminários também têm o benefício adicional de servir como uma fonte de materiais para os seus esforços de geração de renda futuros. Você pode gravá-los e usá-los para atrair novos clientes, aumentar seu reconhecimento de marca ou até mesmo vendê-los em sua loja Sellfy. As possibilidades são praticamente infinitas!

Se você ainda está amadurecendo essa ideia, visite a loja Perform Better e confira e se inspire nos seminários disponíveis. Além de oferecer informações sobre a inscrição nos seminários mais próximos, a equipe responsável também faz o upload dos destaques de seminários passados no website.

7. Torne-se um embaixador de marca

Promote digital products on YouTube

Se você já possui uma boa base de seguidores, seja nas redes sociais ou no seu próprio website, considere se tornar embaixador de alguma marca. Embora muitas pessoas não acreditem, a carreira de influencer pode ser bastante lucrativa. O GlowBodyPT, é um bom exemplo disso. Este canal especializado em conteúdo sobre fitness já possui mais de 100 mil inscritos e é patrocinado por marcas como Gymshark e Women’s Best.

Embaixadores de marca promovem outras marcas do seu nicho nas redes sociais ou em seus próprios websites. Como recompensa, eles podem receber produtos gratuitos, uma porcentagem do lucro gerado pelos produtos divulgados e até mesmo uma taxa fixa com um contrato assinado.

Se você ficou interessado, confira a Aspire IQ, uma plataforma online que conecta embaixadores e marcas. Esta é uma solução rápida e fácel tanto para novatos quanto para usuários mais experientes.

8. Escreva sobre fitness

A venda de downloads digitais é mais indicada para profissionais que possuem conhecimentos específicos ou uma ideia de produto em mente.

Ok, talvez administrar um blog não seja a sua praia, mas isso não significa que você não possa escrever para outras pessoas ou empresas. Com tantos sites, revistas e periódicos especializados em fitness, redatores com experiência na área estão em alta demanda, podendo cobrar entre US $25 e $60/hora por seu trabalho.

Começar a escrever sobre fitness é muito fácil, já que você pode trabalhar como freelancer em plataformas como Upwork e Fiverr. Você pode começar a construir o seu portfólio dessa forma e depois entrar em contato direto com empresas maiores para conseguir oportunidades melhor remuneradas.

9. Ofereça planos de refeição customizados

llc kitchen meals

Os planos de refeição customizados são uma ótima forma de ganhar dinheiro para quem tem experiência em culinária. Diferente dos e-books, este tipo de produto pode ser personalizado para cada cliente, com base em fatores como idade, peso e preferências.

A criação de planos de refeição customizados costuma levar mais tempo do que a criação de e-books, já que processo precisa ser repetido semanal ou mensalmente. No entanto, isso significa que você vai ganhar mais dinheiro com cada cliente. Outra vantagem é que você sempre terá uma ideia geral de quanto vai ganhar por mês.

Você pode oferecer diferentes opções com base em preços de supermercado, entrega e metas de saúde. O Platejoy é um exemplo de negócio fenomenal no nicho de planos de refeição customizados.

Aleksey é especialista em marketing de conteúdo na Sellfy. Ele adora usar a linguagem e o poder das palavras para tornar fascinantes até os tópicos mais áridos do comércio eletrônico. Usando sua formação em estudos literários e paixão pelas últimas tendências, ele cria conteúdo bem pesquisado e estruturado para inspirar outras pessoas e ajudá-las a expandir seus negócios de comércio eletrônico.